Avancem para águas mais profundas e a pesca milagrosa acontecerá. Na mediocridade da margem milagres não acontecem...

Mai052011
PDFImprimirE-mail

Vivarte Hoje

Sim, ainda somos os jovens reunidos em torno de um bem comum...evangelizar através da arte!

 

Ainda somos os jovens que freqüentam a Paróquia Santuário São Judas Tadeu por vários motivos, ou por termos feito ali a crisma, ou por acompanharmos nossos pais nas missas dominicais ou por simplesmente estarmos passando ali pelas redondezas e por curiosidade entramos na igreja em busca de uma espiritualidade.

E ficamos...

Assim estamos nessa aventura de estar em cima do Palco há 19 anos. Não somente pelo amor ao teatro, não somente pelo carinho que temos por nossa paróquia, mas sim pelo primeiro chamado de Evangelizarmos o nosso próximo.

 Mas hoje não somente levar uma peça em cima do Palco, queremos levar a qualidade que o teatro cristão tem.

Por que temos que ver qualidade somente em peças profissionais, com atores profissionais em teatros enormes? Claro que não! Podemos sim ter peças de qualidade com atores amadores, em palcos e salas pequenas que fazem parte da nossa comunidade. Basta querermos!

Buscando essa qualidade ao grupo muitos integrantes fizeram cursos de teatro, interpretação, musicalidade, improviso, criação de personagens e de canto em escolas, oficinas, workshops e profissionais ligados ao Teatro.

 Sempre trabalhando com todo grupo a fim de atingir maior agilidade e maior noção de conjunto e atenção. Desenvolvendo o reflexo, a percepção e a capacidade intuitiva, melhorando as condições de vida do indivíduo dentro do palco e em sua vida pessoal.

Hoje nossos ensaios de grupo são:

  • Jogos dramáticos,
  • Exercícios para diminuir a timidez,
  • Propagação de voz,
  • Improvisações livres e dirigidas,
  • Exercícios de dicção,
  • Interpretação,
  • Preparação corporal e musical,
  • Criação de personagens,
  • Prática coletiva.

Afinal o teatro é a única arte moldável a qualquer ser humano, qualquer pessoa pode exercê-lo!!

 

Uma vez alguém me disse que o Vivarte era como se fosse um trem em viagem...

...alguns sobem em uma estação e desembarcam um tempo depois...

...alguns sobem e ficam por um longo período apreciando a viagem por que gostou dos passageiros e o trem é animado...

...alguns descem por que já chegaram na sua estação...no seu objetivo...

...alguns voltam a embarcar novamente depois de um tempo, pois sentiram falta da viagem e de seus acompanhantes...

O mais legal disso, é que o trem mesmo sendo grande, comportando tantas pessoas, precisa de alguém lá na frente para conduzi-lo. Assim também somos nós, temos que ter um Maquinista para que depois de uma parada, possamos prosseguir em nossa viagem.

E o Maquinista que está a nossa frente sempre nos fazendo andar de novo quando por algum motivo paramos, é Jesus.

Na trajetória destes anos, muitas coisas vêm nos fazer parar. As vezes coisas tão fortes que são capazes de nos fazer até sair dos trilhos. Mas Jesus, o Meu, o Seu, o Nosso Maquinista, está sempre pronto a consertar tudo e nos levar ao nosso destino final, ao nosso alvo, ao encontro com Ele.

Ele é o Maquinista e nosso grupo sim: é o trem!! Nesses anos permitimos que Ele conduza nossa vida e nosso grupo, porque estar com Ele no comando é certeza de andar sempre na linha e chegar bem ao nosso destino.

Se você quer participar desta família tão linda, embarque conosco nesse trem, nessa viagem onde somos as obras de arte do maior artista: Deus!

 

Por Andrêsa Teixeira (Diretora do Grupo Vivarte)

Nos encontramos aos Domingo das 15:00 às 18:00. Venha fazer parte

Nosso endereço: Av. Jabaquara, 2682 - São Judas - São Paulo - SP

Última atualização em Mai122011